fbpx

Ouro e Prata em subida desenfreada na “coronacrise”

Ouro e prata em suas maiores altas, será um efeito da crise do coronavírus impactando diretamente o investimento em metais preciosos? A procura por estes metais preciosos aumentou no mercado financeiro e também pelo metal físico.

O ouro e a prata sempre foram entendidos, por muitas civilizações, como uma moeda de troca, o dinheiro por excelência. E, durante séculos o padrão ouro lastreava o dinheiro da maioria dos países no mundo.

O antigo padrão ouro

Hoje não é mais assim, os governos lastreiam o dinheiro com a confiança que imputam nos mercados e não com ouro, como era antigamente. E, isto é algo bem esquisito, pois como estamos acompanhando não vem funcionando tão bem. Ainda assim está andando e é onde nos encontramos agora.

Com o coronavírus no mundo todo e as bolsas mundiais recebendo o seu impacto direto, a procura por metais preciosos aumentou muito, principalmente ouro e prata. Ambos os metais, aumentou tanto a procura física pelo metal quanto a procura pelo commoditie e as ETFs de ouro e prata.

O aumento da cotação de ouro e da prata nos mercados foi da ordem de 20% a 30%, neste último mês (março 2020), um aumento surpreendente pois os metais preciosos em geral não sofrem grandes oscilações em suas cotações.

caminho para riqueza no telegram

Metais Preciosos

Para o investidor em metais preciosos o investimento em metais pode ser feito de diversas maneiras. No Brasil este investimento pode ser feito pelos seguintes meios:

  • A compra física do metal;
  • Através de commoditie OZ1D na bolsa;
  • Através de fundo de investimento.

Ouro ativo financeiro

No Brasil a prata não é considerada ativo financeiro, diferentemente do ouro. Quando a prata for considerada ativo financeiro poderemos comprar a prata física com garantia de recompra pelas instituições financeiras.

Dinheiro

O ouro e a prata sempre foram utilizados como um meio de troca, fazendo o papel de dinheiro. Isto era chamado de padrão outro. Com o tempo os governos, “para facilitar”, começaram a mudar esse padrão ouro, e resolveram imprimir dinheiro

Prata e ouro nesta crise

A quarentena está deixando milhares de pessoas em casa, por muitos dias. Em momentos de crise, historicamente, há um aumento no preço dos metais preciosos, ouro principalmente. Neste último mês o ouro registrou um aumento de pouco mais de 20%. É um aumento surpreendente para uma commoditie que tem, geralmente, pouca alteração no seu preço.

Sem dúvida o impacto mundial da crise coronavírus é a causa principal desta subida do ouro neste curto período. A prata, outro ativo também procurado nestes momentos de crise, também teve alta neste último mês, de quase 30%.

Invisto ou não invisto?

Depende. O investidor que entende os riscos de investir em metais preciosos é provável que esteja vendendo ou comprando, com possíveis cenários em mente. Para o investidor que não entende deste mercado é uma boa oportunidade para aprender.

Crise Coronavírus - guia

Éverton Gaucho

Por Éverton Gaucho

Escreve sobre investimentos e tecnologia. É autor no site Caminho para Riqueza. Twitter: @EvertonCpR, clique para ler mais...

Comentários