Apesar de não ser muito falada pelo fato de ser uma nova modalidade de investimento no Brasil, a Letra Imobiliária Garantida (LIG) é uma modalidade de investimento de renda fixa. Recente no mercado financeiro, essa letra imobiliária foi lançada apenas em 2014 por medida provisória.

Contudo, em agosto de 2017, o Conselho Monetário Nacional (CMN) regulamentou a LIG, que ainda aguarda as primeiras emissões para serem disponibilizadas no mercado financeiro com o intuito do governo oferecer diversificação em aplicações de âmbito imobiliário.

Se você quiser ir direto ao ponto, você pode agendar um horário com um profissional de investimentos e ter uma conversa um pouco mais especializada sobre seus investimentos financeiros.

Para entender do que se trata esse investimento e como funciona a rentabilidade, continue acompanhando este post e conheça mais possibilidades para a diversificação da sua carteira. Confira:

O que é Letra Imobiliária Garantida?

Nesse tipo de investimento, você aplica seu capital em títulos de renda fixa que serão emitidos por instituições financeiras para captar recursos e investir em melhorias no setor imobiliário.

As instituições financeiras que podem fazer a emissão são os bancos de investimento, sociedades de crédito, bancos múltiplos, bancos comerciais, caixa econômica, companhias hipotecárias e até mesmo associações de empréstimo e poupança.

A letra imobiliária garantida pode ser caracterizada por títulos que vencem a longo prazo. Sendo assim, as aplicações dispõem de datas acima de dois anos para o vencimento e, no mínimo, 12 meses de carência para efetuar o seu resgate de rendimentos.

eventos em investimentos e finanças pessoais

Como funciona?

O desejo do governo é que a Letra Imobiliária Garantida funcione da mesma maneira que o modelo europeu, como o Covered Bonds. Com isso, espera-se atrair não só investidores brasileiros, mas também os estrangeiros. Gestores de fundos imobiliários, também devem se interessar por essa nova letra financeira.

Rentabilidade

Em relação à rentabilidade, espera-se que esteja atrelada à taxa de juros ou que levem em consideração outros indicadores como o Índice de Preços ao Consumidor (IPCA).

Setor imobiliário

Com isso, esse investimento promete disponibilizar mais acessibilidade e segurança a investimentos ligados ao setor imobiliário. No entanto, é preciso estudar os seus objetivos, pois, apesar de ser indicada para pequenos e grandes investidores, a Letra Imobiliária Garantida pode não ser uma boa escolha para aqueles que buscam liquidez imediata.

Relatório específico

No mais, o BC (Banco Central) já informou que para as emissões, as instituições financeiras deverão fornecer um relatório específico com informações para os investidores.

Esse relatório deve dispor de:

  • dados como agente fiduciário,
  • razão social ou CNPJ,
  • distribuição dos ativos,
  • forma de remuneração,
  • valor nocional dos instrumentos derivativos,
  • os prazos para vencimentos dos títulos,
  • site usado para divulgação do DCA (Demonstrativo da Carteira de Ativos) e,
  • dados referentes à distribuição percentual das LIGs.

Além disso, as instituições financeiras emissoras de Letra Imobiliária Garantida devem informar e esclarecer aos investidores todo e qualquer fato que possa afetar ou alterar a situação da sua carteira de ativos e das LIGs disponibilizadas.

Qual é a diferença da LIG em relação a outros tipos de investimentos imobiliários?

As outras aplicações de âmbito imobiliário disponíveis no mercado financeiro são as Letras de Crédito Imobiliário (LCI) e o Certificado de Recebíveis Imobiliários (CRA). Então, por que a LIG promete ser diferente?

Rendimento melhores que LCI

Para aumentar as chances de prosperidade financeira, a LIG prevê rendimentos melhores do que a LCI, que são emitidas por bancos. Também prevê menores riscos do que o CRI, que são emitidos por empresas e não estão amparados pela proteção do Fundo Garantidor de Crédito (FGC).

Diversificação

Com isso, mesmo sendo investimentos de renda fixa, os CRIs pedem mais cuidado e disponibilidade de exposição a alguns riscos que a LIG. No entanto, vale ressaltar que as LCI’s e CRI’s não são investimentos ruins. A LIG vem para diversificar, ou seja, ser mais uma alternativa para aumentar a sua carteira de investimentos com lastro imobiliário.

Então, antes de fazer qualquer aplicação ou optar por algum tipo de investimento, busque conhecer todas as características, rentabilidade, resgate e alinhe essas informações ao seu perfil de investidor, necessidades e objetivos.

Guia de Planejamento Financeiro Pessoal e investimentos

Quais são as vantagens das LIGs?

Existem algumas vantagens que se tornam bastante atrativas na Letra Imobiliária Garantida. Dentre elas podemos citar:

Segurança

A LIG é uma aplicação que disponibiliza segurança duplicada. A primeira parte é em razão de ser protegida pelos ativos imobiliários que estiver atrelada. Dessa forma, caso a instituição financeira emissora não cumpra com os pagamentos ou venha a decretar falência, você conta com garantias reais.

A outra parte da segurança fica por conta da carteira de créditos imobiliários, que permite mais segurança por não estar associada ao patrimônio da instituição financeira emissora do título. Então, também no caso de calote do banco, essa carteira de créditos imobiliários não poderá ser utilizada para outro fim, a não ser ressarcir os investidores que saírem prejudicados.

Tributos

Além da segurança, outra vantagem para a LIG é a isenção do Imposto de Renda para pessoa física. Com isso, o governo consegue incentivar os investidores a aplicarem os seus recursos nesse setor, já que o IR pode “comer” uma parcela considerável da sua rentabilidade.

Estabilidade

Por ser uma aplicação de renda fixa, há a vantagem da estabilidade. Isso permite que você tenha solidez e preservação da sua carteira de investimentos e que não seja prejudicado por oscilações que atinjam os investimentos de renda variável.

Desvantagens

Como nem tudo é perfeito, a Letra Imobiliária Garantida também tem as suas desvantagens. Sendo assim, fique atento a:

Liquidez

A LIG é uma aplicação que funciona melhor em objetivos de longo prazo. Sendo assim, pode apresentar períodos de baixa ou nenhuma liquidez. Então, caso precise de dinheiro rápido, você poderá sair no prejuízo.

Fundo Garantidor de Crédito

O FGC é uma entidade sem fins lucrativos, que cobre alguns tipos de investimentos. Caso ocorra falência por parte dos emissores, esse fundo disponibiliza o amparo em valores de até RS250 mil por emissor limitado a R$ 1 milhão por indivíduo. Entretanto, outra desvantagem da LIG é que esses títulos não recebem essa garantia de proteção por parte do Fundo Garantidor de Crédito.

Setor imobiliário

A Letra Imobiliária Garantida é mais um investimento para a captação de recursos e melhorias do setor imobiliário. Por meio das LIGs você terá mais uma opção para diversificar a sua carteira de investimentos de forma segura. No entanto, é preciso estudar as desvantagens e os seus objetivos.

Como diversificar a sua carteira de investimentos

Deseja construir riqueza por meio de investimentos, mas não conhece muito bem o mercado financeiro? Então entre em contato conosco que o assessoraremos nas suas escolhas e na sua carteira de investimentos.

Seja informado a cada novo post!

Assine e receba novos posts diretamente em seu email

Sobre o autor

Avatar

Caminho para Riqueza

Caminho para Riqueza é um blog de educação focado em investimentos financeiros.