Será que existe algo mais em um bom planejamento financeiro e blindagem patrimonial? Em geral, poupança, controle orçamentário e a escolha dos melhores ativos para investir…

Planejamento Financeiro bem elaborado

Um planejamento financeiro bem elaborado, muito diferente do que muitos dizem, não envolve apenas poupança ou economia e/ou controle do orçamento familiar e a escolha dos ativos corretos para investir, mas também outras decisões tão importantes quanto essas.

Aqui me refiro aos ativos financeiros constituídos de forma a proporcionar:

  • Sucessão de empresas,
  • Proteção,
  • Alavancagem e,
  • Blindagem patrimonial

…às famílias e assim garantir um futuro tranquilo, aconteça o que for, de acordo com um objetivo que pode ser desde uma aposentadoria confortável até a sucessão de seu patrimônio aos seus descendentes ou pessoas amadas.

Vamos planejar os seus sonhos

Acumulação, Rentabilidade e Proteção

Pois bem, um controle orçamentário ou a constituição de poupança ao longo da vida é sem dúvida fundamental. Aqui me refiro a uma etapa do planejamento financeiro denominada acumulação. O mesmo se aplica quanto a escolha dos melhores ativos para proteger e rentabilizar essa suada reserva de capital. Essa etapa é chamada rentabilidade.

Mas esses elementos estão no meio e no topo de um processo mais amplo, que no final das contas, é conquistar uma aposentadoria tranquila para você e garantir a formação dos seus filhos, a manutenção do padrão de vida e, finalmente, a conquista de seus sonhos ou projetos.

Esse processo como um todo chamamos de planejamento financeiro.

Blindagem Patrimonial: o Ponto de Partida

Muitas vezes as pessoas se esquecem da base ou ponto de partida desse processo, que deveria ser o cuidado ou proteção do seu patrimônio e desde o início a preocupação com a sucessão aos herdeiros.

Nesse contexto, um planejamento financeiro adequado deve seguir três etapas, conforme demonstrado na figura a seguir.

Nesse artigo quero falar especificamente sobre a etapa número 1, a base da pirâmide, que envolve proteção e blindagem patrimonial, e como consequência, sucessão e alavancagem, muitas vezes ignorada pela maioria das pessoas e até mesmo por grandes investidores.

habitos de grandes investidores

ITCMD (Imposto de Transmissão Causa Mortis e Doação)

Antes de falar sobre os ativos financeiros constituídos especialmente para esse propósito, quero discursar um pouco sobre o processo de sucessão patrimonial no Brasil.

Sucessão patrimonial e ITCMD

No nosso país, a alíquota de imposto para sucessão e doação, o ITCMD (Imposto de Transmissão Causa Mortis e Doação), é definida por estado e não pela união.

Hoje essa alíquota varia bastante entre os estados brasileiros, mas em toda a região sudeste e no Paraná a alíquota em vigor é de 4%, enquanto que em Santa Catarina e no Rio Grande do Sul é de 8%.

Despesas com sucessão patrimonial

Veja a tabela completa ITCMD. Além do ITCMD, um processo sucessório envolve honorários advocatícios. Hoje a tabela da OAB recomenda a cobrança de 6% sobre o valor do inventário.

Por fim, há o custo com documentação e cartório que atingem um valor próximo de 3% sobre o patrimônio do falecido. Somadas, as despesas com sucessão podem variar de 12% a 18% tranquilamente.

Alíquota para sucessão patrimonial

Se você não não sabia disso não se assuste! Apesar dos pesares, o ITCMD no Brasil ainda é um dos mais baratos do mundo.

Só para você ter uma ideia, nos Estados Unidos essa alíquota é de aproximadamente 40%, enquanto que no Japão chega a 50%. Por isso já existe uma proposta no senado brasileiro que pretende elevar essa alíquota para 20%.

Custo de sucessão

Isso uma hora vai acontecer, já existe um movimento muito grande na câmara e no senado sobre o tema, e quando for verdade, o custo de sucessão saltará para algo próximo de 30%.

Ou seja, para cada 100 mil que você acumular em patrimônio durante a sua vida, seja imobilizado (imóveis, terrenos etc), seja em ativos financeiros (investimentos em poupança, fundos de investimentos, ações, etc), seus filhos ou herdeiros precisarão em torno de 30 mil quando do seu falecimento para fazerem jus a herança.

ebook guia de investimento para empresa familiar

Seguros de Vida Resgatáveis

Pensando desde o início em sua blindagem patrimonial e sucessão patrimonial, existem no mercado financeiro brasileiro algumas estruturas que vão além da rentabilidade e te proporcionam esse benefício embutido.

São ativos financeiros elaborados sob a forma de serviço e, por isso, são ao mesmo tempo:

  • um investimento e,
  • um custo.

Vantagens dos seguros de vida resgatáveis

Refiro-me aos chamados seguros de vida resgatáveis, onde cada centavo investido retornará ao detentor da apólice ou a seus beneficiários em algum momento, seja na vida ou na morte.

Vou então por meio de exemplos mostrar a você as vantagens desses ativos financeiros que podem variar conforme sua necessidade entre:

  • Sucessão,
  • Proteção,
  • Alavancagem e,
  • Blindagem patrimonial.

Sucessão Patrimonial e Seguros de Vida Resgatáveis

Quanto a sucessão patrimonial esses seguros possuem pelo menos duas vantagens em detrimento a qualquer outro ativo:

  1. PRIMEIRA delas é que, diferentemente de qualquer outro ativo, seja financeiro ou imobilizado, um seguro é considerado um serviço, logo não precisa respeitar a “lei da legítima”Em outras palavras, o contratante pode estipular outras pessoas, que não filhos e esposa ou marido, como beneficiários em caso de sinistro (morte).
  2. SEGUNDA é que, também diferentemente dos outros ativos, aqui, em caso de sinistro, o pagamento é incontestável e líquido de qualquer imposto aos beneficiários.

Ou seja, é uma forma de suceder seu patrimônio sem o custo de ITCMD, de cartório e livre de inventário.

Proteção Patrimonial e Seguros de Vida Resgatáveis

Quanto a proteção patrimonial cito ao menos três benefícios ao contratar um seguro de vida resgatável.

  1. PRIMEIRO: é que através desse ativo, você conseguirá organizar melhor o seu orçamento/fluxo de caixa, pois o custo desse ativo servirá como formação de poupança para a sua aposentadoria.
  2. SEGUNDO: a partir da contratação desse serviço, você passará a ter duas certezas: a morte e o recebimento do valor contratado em algum momento, seja em vida, seja no falecimento. Isso é muito importante.
  3. TERCEIRO: por último, com um seguro de vida resgatável, ou mesmo temporário, você terá o benefício da manutenção do padrão de vida para você e sua família.

    Você já parou para pensar qual o seu maior patrimônio?

Provavelmente, a resposta mais adequada seria: eu mesmo(a)! Claro, imagine todo o fluxo de caixa que você mesmo gerará até a sua aposentadoria.

Agora pense no que aconteceria com todo esse fluxo caso aconteça algum imprevisto no caminho até lá. É desconfortável tocar nesse tema, mas acidentes, invalidez etc, podem acontecer e somos todos suscetíveis e vulneráveis a essas tragédias.

Pois bem, através desse ativo financeiro você não conseguirá evitar o inevitável, mas certamente estará protegido sob o ponto de vista financeiro. A garantia de conseguir prover educação aos seus filhos e finalmente a certeza de estar protegido financeiramente em caso de um evento extremo durante a sua fase de acumulação de recursos até a sua aposentadoria.


Também ajudamos pessoas que desejam melhorar a qualidade dos seus investimentos, e para isso abrimos um pequeno número de consultas de investimentos, se inscreva para fazer.


Alavancagem Financeira e Seguros de Vida Resgatáveis

Quanto a alavancagem financeira, os seguros de vida resgatáveis são os únicos ativos financeiros que te possibilitam alavancar o seu patrimônio imediatamente após a contratação do seguro.

Por exemplo, vamos supor que você contrate hoje um seguro de R$ 1.000.000,00 por um custo mensal de R$ 3.500,00. A partir desse momento esse R$ 1.000.000,00 já pode ser incorporado ao seu patrimônio, pois uma hora você fará jus a esse montante.

Enquanto isso, o valor gasto de R$ 3.500,00 servirá como acumulação de poupança. Ou seja, com apenas uma mensalidade paga, você alavancará o seu patrimônio no montante desejado imediatamente.

Melhor ainda, o capital contratado é corrigido pela IPCA anualmente. Ou seja, você recebe correção imediatamente sobre um capital que ainda não é seu, mas que um dia será.

Blindagem Patrimonial e Seguros de Vida Resgatáveis

Por último, em relação a blindagem patrimonial, é um benefício por hora válido, mas é preciso ter cuidado.

De fato, blindagem patrimonial não é trivial. Principalmente tratando-se da justiça do trabalho, tudo vai depender da decisão do juiz em caso de você sofrer um processo trabalhista, ou mesmo um processo qualquer.

Seguradora

Porém, vale lembrar que através de um seguro de vida resgatável, num primeiro momento, você estará transferindo parte do seu patrimônio à seguradora escolhida.

Essa por sua vez estará lhe prestando um serviço e lhe fornecerá uma renda ou um valor estipulado em caso de sinistro. Logo, os seguros de vida resgatáveis são ativos financeiros constituídos de tal forma que dificilmente os valores estipulados serão um dia contestados.

Fundos de previdência privada

Além disso, ainda tratando-se de blindagem patrimonial, vale mencionar que os fundos de previdência privada constituídos sob a forma de VGBL (Vida Gerador de Benefício Livre) um dia já foram utilizados para esse mesmo fim, mas hoje já existe jurisprudência e não recomendo esses ativos para esse fim.

Para dar um exemplo sobre o tema, um dos casos mais famosos foi o de um ex-diretor do Banco Santos que aportou uma quantia muito elevada em um VGBL pouco antes da falência da instituição. Até hoje o valor está bloqueado.

Finalmente, os seguros de vida resgatáveis ou mesmo temporários, além de todos esses benefícios, possuem diversas finalidades.

Sucessão de empresas

No quesito sucessão de empresas, são bastante utilizados por empresários de diversos segmentos como um meio de garantir a perenidade de suas empresas.

Um seguro pode ser contratado pela empresa para garantir a recompra das cotas de um sócio que venha a falecer, impedindo, assim, a interferência de familiares da vítima em um negócio que eles, na maioria das vezes, não dominam.

Pode também ser usado com a finalidade de prover caixa para contratar um profissional de mesmo nível, em caso de perda de um executivo chave.

Fico por aqui. Se você quiser saber mais sobre os seguros resgatáveis e temporários, as melhores seguradoras que oferecem esses ativos no Brasil, como funciona a contratação, simulações e mais detalhes agende um bate papo sobre seus investimentos.

Alíquotas do ITCMD

Veja a seguir, no link abaixo, as alíquotas e progressividade do ITCMD conforme previsto nas legislações estaduais. A adoção da progressividade e o valor das alíquotas variam bastante.

Clique para ver alíquotas e progressividade do ITCMD
conforme previsto nas legislações estaduais

Conclusão

Com a leitura deste artigo você aprendeu:

  • Como constituir um planejamento financeiro bem elaborado;
  • Por onde começar seu planejamento financeiro: Blindagem Patrimonial;
  • Qual é o ativo financeiro constituído para te proporcionar proteção e blindagem patrimonial;
  • Quais os recursos disponíveis para que você organize sua sucessão patrimonial;
  • O que é o ITCMD e as alíquotas praticadas no Brasil;
  • O que são Seguros de Vida Resgatáveis, suas vantagens e benefícios;
  • Como garantir uma receita pré-determinada para sua aposentadoria, independentemente dos imprevistos que podem ocorrer ao longo de sua vida;
  • Como alavancar seu patrimônio e a vantagem disso.

Quero te fazer uma pergunta:

Você sabia que os Seguros de Vida Resgatáveis poderiam te proporcionar tantos benefícios?

Deixe seu comentário que eu terei todo o prazer em responder!

Seja informado a cada novo post!

Assine e receba novos posts diretamente em seu email

Sobre o autor

Daniel Guedine

Daniel Guedine é empreendedor, autor e co-fundador do Caminho para Riqueza, clique para ler mais...