Investir no meu banco ou na corretora? Saiba qual é a melhor opção

Sempre que for fazer um investimento, você encontrará dois caminhos: banco ou corretora de valores. Com as diversas opções e modalidades disponíveis no mercado, escolher entre uma ou outra pode parecer tarefa difícil, não é mesmo? No entanto, levando em consideração questões que vão desde o atendimento até os valores de taxas cobrados, essa escolha pode ficar mais simples e clara.

Pensando nisso, reunimos neste post as principais características do banco e da corretora para auxiliá-lo nessa escolha. Acompanhe!

Se você já investe através de uma corretora e deseja aprimorar e aumentar a rentabilidade de seus investimentos você pode conversar com um profissional de investimentos.

Funções do banco e corretora

Como sabemos, a rotina de um gerente bancário é bem corrida, pois ele trabalha com diversas contas, de diversos clientes. O que geralmente acontece é que um gerente tem uma carteira de investimentos específica e restrita. Sendo assim, ele terá somente aquelas aplicações para oferecer aos diversos investidores que dispõem de perfis e necessidades diferentes.

Por não apresentar muita variedade de investimentos, o banco acaba não levando em consideração alguns requisitos importantes na escolha de uma aplicação como o seu perfil, suas necessidades e objetivos com cada investimento.

No entanto, com uma corretora, é possível contar com o auxílio de um assessor de investimentos, que tem a única e exclusiva função de trabalhar com os variados perfis e diversas opções de aplicação, avaliando e considerando as particularidades de cada cliente. Para resumir, fica claro que os bancos não têm a função de lidar somente com os investimentos, enquanto as corretoras de valores foram criadas para esse fim.

Taxas

Para escolher colocar os seus investimentos nas mãos de um banco ou corretora de valores, é muito importante avaliar as taxas cobradas em cada instituição, pois, no final das contas, elas podem fazer muita diferença no seu bolso.

Como dissemos, o banco não lida somente com investimentos, no entanto, apresenta um volume muito maior de clientes que precisam dos serviços. Dessa forma, os bancos não precisam se esforçar tanto para manter as menores taxas, já que, muitas vezes, por comodismo ou fidelidade, os clientes não procuram por outros serviços.

No caso das corretoras, que contam com grande concorrência e diversos investimentos, é tarefa diária a busca por menores taxas e melhores condições para cada investimento, pois é assim que elas proporcionam uma boa rentabilidade a você. Além disso, as taxas administrativas são praticamente inexistentes se forem comparadas aos bancos.

Guia prático aprenda como começar a investir na Bolsa de Valores - banner


Se você contrata um encanador para cuidar de seu encanamento, mecânico pra cuidar do seu carro, agende um bate papo com um profissional de investimentos para cuidar dos seus sonhos.

Vamos-planejar-os-seus-sonhos_1


Sucesso dos investimentos

Muitas vezes, os bancos podem oferecer opções que não são consideradas aplicações, os títulos de capitalização são um exemplo. Esses títulos nada mais são do que a prática de você guardar dinheiro por um tempo na sua conta para ter acesso a sorteios e prêmios, ou seja, não são um investimento em que você terá rentabilidade financeira.

Com isso, investir em uma instituição bancária pode não ser o melhor para o sucesso das suas aplicações, principalmente se considerarmos o fato de que os bancos não consideram o seu perfil de investidor, então, é muito provável que você venha a pagar caro e possa ter prejuízos com ativos que não fazem o seu perfil.

Segurança

No quesito segurança, o banco ou a corretora apresentam os mesmos níveis; Ambos apresentam critérios para proteção dos seus dados de identificação e informações financeiras.

Vantagens das corretoras

Como pôde ser percebido até aqui, a escolha entre banco ou corretora pode ser fácil, já que a sua instituição bancária não leva em consideração pontos importantes dos investimentos. Pensando nisso, reunimos as principais vantagens de optar por uma corretora de valores e como escolher a que melhor o atenda. Confira:

Diversificação

O banco disponibiliza investimentos próprios, como o CDB (Certificado de Depósito Bancário), fundos de investimento e letras de crédito. O CDB é um empréstimo que você fará ao próprio banco e receberá rendimentos provenientes dos juros. Por outro lado, as corretoras funcionam como um grande mercado de investimentos e proporcionam mais opções.

Com isso, a diversificação é a primeira dica dos assessores de investimentos, pois com diferentes investimentos, você se protege da volatilidade, sazonalidade e ainda tem mais chances de aumentar os seus rendimentos.

Atendimento e acompanhamento especializado

As corretoras de valores disponibilizam o serviço de um assessor de investimentos, que será o responsável por cuidar das suas aplicações. Esse profissional é especializado em definir o seu perfil como investidor e ajudar a estipular metas e objetivos para que você escolha o investimento que melhor o atende. No mais, você não precisará passar horas ao telefone tentando falar com um atendente.

Facilidade

As corretoras de valores normalmente disponibilizam uma plataforma para que você possa acompanhar cada ativo de forma prática. Dessa forma, é muito simples controlar os seus investimentos, assim como fazer a compra e venda de ativos sempre que julgar vantajoso. Mas vale ressaltar que é muito importante avaliar a segurança da plataforma.

ganhar dinheiro com bolsa valores

Como escolher uma corretora

Se, após os comparativos entre banco ou corretora, você optar pelos serviços da corretora, existem alguns pontos que você pode observar para escolher. O primeiro passo é pesquisar bastante, investigue sobre os níveis de satisfação e reclamações dos clientes.

A internet é o melhor lugar para essas pesquisas, pois apresenta uma ampla possibilidade de encontrar as empresas que estejam de acordo com as suas necessidades. O próximo passo é definir o seu objetivo como investidor.

Para isso, pesquise sobre os principais tipos de investimento e as diversas modalidades, como os de renda fixa ou renda variável, para que assim você tenha em mente quais são os seus planos e metas com os investimentos e escolha uma corretora que entenda os seus objetivos.

Após isso, não deixe de comparar as taxas, custos e ferramentas oferecidas por cada corretora, pois são aspectos que farão bastante diferença no seu dia a dia como investidor. As ferramentas podem ser de grande auxílio para controle e avaliação das suas aplicações e as taxas serão o diferencial no seu bolso.

A escolha de banco ou corretora fica fácil quando você percebe que a corretora estará exclusivamente dedicada aos seus investimentos, enquanto o banco tem outras funções. No mais, é muito importante levar em consideração a diversidade de investimentos, que pode ser a chave do sucesso das suas aplicações.

Hábitos de investidores de sucesso

Se deseja ter sucesso nos seus investimentos, confira o nosso post com os hábitos dos investidores de sucesso para você colocar em prática.

Caminho para Riqueza

Por Caminho para Riqueza

Caminho para Riqueza é um blog de educação focado em investimentos financeiros.

Comentários