7 DICAS PARA SE PLANEJAR PARA UM ANO SABÁTICO

Projetos pessoais, viagens e descanso: muitas vezes, o mês de férias não é suficiente para que você realize tudo aquilo que deseja. Nesse caso, se planejar para um ano sabático pode ser uma chance incrível de colocar alguns planos em prática ou simplesmente repensar muitas coisas em sua vida.

Assim, você consegue aproveitar melhor as oportunidades trilhadas, sem ter que se preocupar com a rotina de trabalho puxada ou com os compromissos habituais. A entrega ao momento deve ser completa, sem nada que o atrapalhe.

Se você está pensando em ter um período como esses no futuro, no entanto, é conveniente ter muito cuidado, seja na sua organização financeira, pessoal ou profissional. Sendo assim, preparamos este artigo para ajudá-lo a se planejar melhor para um ano sabático seguro e sem nenhum transtorno. Vamos lá?

O que é ano sabático e qual a sua importância?

Não é difícil perceber quantas coisas deixamos de fazer todo ano por falta de dinheiro, tempo ou disposição. A concentração no trabalho é tanta, que acabamos deixando de lado várias questões de importância pessoal e adiando outros momentos edificantes de experiência de vida.

Para que isso não aconteça, muitas pessoas optam por tirar um ano sabático e dar uma pausa na carreira.

Durante esses 12 meses, dedicam-se a:

  • estudar,
  • viajar,
  • aprender novos idiomas,
  • fazer um intercâmbio ou,
  • mochilão ou,
  • mesmo realizar projetos pessoais mais simples e particulares.

Esse ano sabático é de extrema importância para quem precisa repensar, descansar, cuidar da saúde ou tomar decisões a respeito de um futuro próximo — afinal, nada disso é possível se estivermos com a cabeça cheia de preocupações.

Algumas empresas liberam funcionários mais antigos e de carreira sólida para que tenham um ano sabático, mas o contrato e o salário ficam congelados durante esse intervalo. Outras pessoas optam por pedir demissão ou afastamento de seus cargos.

Converse bastante com os responsáveis pela empresa para decidir qual a melhor alternativa. O importante é não esperar a aposentadoria chegar para alcançar os objetivos que sempre quis.

Como se planejar para um ano sabático?

Se você tem certeza de que precisa de um ano sabático, é hora de colocar o planejamento no papel. Tenha calma, considere bem todas as suas opções, junte dinheiro e coloque em prática as dicas abaixo:

1. Identifique um objetivo

O primeiro passo para planejar um ano sabático é saber o que você quer fazer. Depois disso, defina os motivos de sua escolha. Quando essas questões estiverem claras, serão o ponto de partida para que você desenvolva as próximas etapas, fazendo contatos e muita pesquisa.

A partir disso, também ficará mais fácil determinar qual é a quantia de dinheiro que você vai precisar, não só para usar durante o período, mas também para estar resguardado em seu retorno. Dessa forma, crie um cronograma que estabeleça suas metas mensais e até mesmo por algum tempo após o final do ano.

Guia de Planejamento Financeiro Pessoal e investimentos

2. Liste possíveis destinos em caso de viagem

Caso a sua intenção seja viajar, faça uma lista de possíveis destinos e quais são as oportunidades que cada um deles oferece. Não se esqueça de entrar em contato com agências de viagens e verificar valores e pacotes, além de procurar saber sobre o processo de documentação e prazos.

Lembre-se de que os destinos devem estar de acordo com o objetivo que você identificou inicialmente. De nada adianta estar em uma praia paradisíaca se não está estudando uma nova língua como havia determinado.

3. Conte com o suporte de amigos e familiares

Envolver sua família neste projeto é fundamental para que você tenha respaldo na realização. Converse, explique seus motivos e mostre que você está se organizando de forma a não prejudicá-los.

Sugira que eles participem de alguns momentos e sempre dê um feedback sobre o que está acontecendo. Se tiver liberdade e amizade com seus colegas de trabalho, procure também dar notícias de vez em quando.

4. Organize-se financeiramente

Nada do que foi planejado poderá acontecer se você não tiver reservas financeiras bem administradas e algumas economias em caixa. Para conseguir esse feito, comece desde já a mudar hábitos de consumo, verificar a possibilidade de venda de algum imóvel ou veículo, estudar os valores da poupança e se informar sobre seu Fundo de Garantia.

Planilhas e aplicativos de finanças podem ser grande ajuda nesse cenário, para que você não se perca em meio a tantos números. Alguns sacrifícios terão que ser feitos, mas, para superá-los, basta manter o foco nos benefícios que o seu ano sabático trará.

O guia definitivo para ter sucesso em investimentos financeiros

5. Faça um checklist de despesas

A lista de gastos a serem considerados para o ano sabático não é pequena.

Ela inclui:

  • passagens aéreas,
  • seguros de vida e viagem,
  • alimentação,
  • acomodações,
  • taxas de energia e gás, transporte, mensalidade de cursos, dentre outros.

Além disso, para lidar com imprevistos, deve-se acrescentar 20% no valor total.

Sendo assim, faça um checklist de todas as despesas com as quais você vai arcar. Tente ser minucioso o tanto quanto possível e imaginar as mais diversas possibilidades. É melhor sobrar do que faltar — e você com certeza não quer desperdiçar tempo algum com esse tipo de preocupação.

6. Desapegue-se do material

Que tal tentar viver melhor e com menos itens?

Com o ano sabático, você terá tempo para testar novos hábitos como:

  • andar de bicicleta e não de carro,
  • preparar sua própria comida em vez de pedir um delivery e,
  • passar mais tempo fora de casa, sem gastar energia elétrica.

O grande ponto deste período é poder se redescobrir e espiritualizar, e as consequências são boas tanto para seu espírito como para seu bolso. Quando você retornar à rotina normal, verá o quanto esse desapego valeu e ainda terá um aumento na reserva dos meses seguintes.

7. Invista com cautela

Cuidado ao aplicar seu dinheiro em um planejamento que vai muito além do que a sua realidade permite. Ao investir, respeite seu perfil de investidor(a) e o dinheiro disponível, de modo a não fazer investimentos exacerbados que nem mesmo preencherão suas expectativas.

Essa é uma forma de minimizar riscos e não passar apertos. Se por acaso as perspectivas mudarem durante o ano e você decidir fazer algo totalmente novo do que desejava de início, tome cuidado também para não ficar desfalcado durante a mudança. Tenha em mente que educação e prosperidade financeira caminham sempre juntas.

agende uma consultoria de investimentos

Você está pronto?

Por fim, não desista diante dos obstáculos. A atitude de ter essa pausa tão pessoal requer maturidade e empenho, principalmente para decidir o que virá depois, como uma nova ocupação, o começo de um negócio próprio ou a retomada de atividades antigas.

Está pronto para se planejar para um ano sabático depois de tantas dicas? Se esse post serviu de estímulo para que você realize esse sonho, compartilhe-o nas redes sociais e inspire outras pessoas!

Caminho para Riqueza

Por Caminho para Riqueza

Caminho para Riqueza é um blog de educação focado em investimentos financeiros.

Comentários