6 dicas para investir no mercado de ações

Seja você um investidor iniciante ou mais experiente, deve saber que a maioria dos investidores de sucesso mantém ou manteve parcela de suas carteiras de investimentos em renda variável.

Saiba porque investir no mercado de ações

Grande parte dos profissionais que conquistaram uma carreira estável passa a maior parte do tempo trabalhando para garantir a qualidade naquilo que faz.

No entanto, muitas dessas pessoas sentem-se frustradas por não conseguirem fazer com que o seu dinheiro renda o suficiente e trabalhe sozinho por eles.

Riscos

Em geral, isso se deve a investimentos medíocres, limitados pelos grandes bancos, que condicionam os investimentos à caderneta de poupança e aos CDBs. A boa notícia é que existem investimentos alternativos e com rentabilidade muito maior, porém algumas vezes sujeitos a um risco mais elevado.

Se você se interessa em desbravar esse novo mar de informações e não quer ficar nas mãos do gerente do seu banco, aprenda a escolher e analisar os melhores investimentos para o seu dinheiro.

Investimentos financeiros

Apesar de parecer um pouco complicado de início, o mundo dos investimentos financeiros vai se tornando mais simples e atrativo à medida que você entende como multiplicar o valor que você aplica.

Curioso? Continue a ler o texto e aproveite as dicas que nós separamos para você investir no mercado de ações.

O mercado de ações e a bolsa de valores

O primeiro passo é entender um pouco melhor como funciona o mercado de ações e a sua relação com a bolsa de valores.

O básico sobre a bolsa de valores

Para isso, acompanhe algumas informações básicas que você precisa saber:

  1. Uma ação é uma pequena parte de uma empresa, como a fatia de um bolo.
  2. Aquele que adquire uma ação, automaticamente se torna sócio da empresa e começa a ganhar dinheiro de acordo com os lucros daquela companhia ou de acordo com a expectativa dos lucros que virão no futuro.
  3. As ações são negociadas na bolsa de valores, que é o ambiente onde ocorrem a sua compra e venda, para tanto usa-se um sistema de home broker via web.
  4. As negociações acontecem a partir de ordens de compra e de venda que partem do investidor e são emitidas às corretoras responsáveis pela operação na bolsa.
  5. As ações podem ser de dois tipos: ordinárias ou preferenciais.

Negociações de ativos

Então, agora você já sabe: o mercado de ações é o ambiente onde ocorrem as negociações das ações emitidas pelas empresas. Esse mercado está dentro da bolsa de valores, onde também são negociadas, opções de ações, fundos imobiliários, ETFs, entre outros ativos.

CVM

Na bolsa de valores, estão aptas a negociar às corretoras habilitadas pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM). No Brasil, a negociação de ações acontece na BM&FBovespa (Bolsa de Valores de São Paulo).

Confira algumas dicas essenciais para você se preparar para investir no mercado de ações:

1. Conheça o seu perfil de investidor

Existem basicamente quatro perfis de investidor. E para que você não acabe se arriscando em mares agitados demais ou acabe entediado na calmaria plena sem que isso lhe satisfaça, é preciso conhecer como você gostaria de investir.

Como você pretende investir

Para isso, são levados em consideração alguns fatores a respeito de como você pretende fazer seus investimentos.

São eles:

  • idade,
  • objetivos,
  • tempo em que pretende usar o capital e,
  • o grau de tolerância ao risco.

Os perfis de investidor normalmente são classificados como:

  • conservador,
  • moderado,
  • moderado-agressivo e,
  • agressivo.

De acordo com o risco que você está disposto a correr com o investimento.

Seu ambiente ideal para investir é qual?

Se você acha que surtaria em ver suas ações perderem valor de um dia para o outro, é melhor repensar se o mercado de ações é o ambiente ideal para investir.

Volatilidade do investimento em bolsa de valores

Isso porque os ativos na bolsa de valores variam muito e é preciso ter paciência para ver seu dinheiro diminuir e aumentar até alcançar o preço ideal de venda das ações.

Seu objetivo ao investir seu dinheiro

Por essa razão, é preciso ter um objetivo bem traçado, com prazos estipulados, para não tomar decisões precipitadas e comprometer o rendimento do seu investimento.

2. Saiba quais são os tipos de investimento

As ações são um tipo de investimento bastante atrativo, em especial para quem tem paciência para esperar o tempo do mercado. No entanto, não exclui a necessidade de conhecer outros tipos de investimento.

Entre eles, esteja atento aos:

  • Títulos bancários – tais como a própria poupança e CDB, além das letras de crédito, que financiam setores específicos (LCI e LCA).
  • Títulos públicos – com a opção de escolher pela rentabilidade pré-fixada, pós-fixada ou taxa mista.
  • Títulos privados – principalmente aqueles que possuem isenção fiscal, como CRA, CRI e debêntures incentivadas.
  • Fundos de investimento – incluindo alguns com benefícios fiscais para o investidor.

3. Defina com cuidado o capital a ser investido

É importante não investir todo o seu capital na bolsa de valores de uma só vez. Além de ser um risco muito alto, é interessante que você experimente o mercado por algum tempo antes de ingressar com valores realmente significativos.

Iniciar com um valor que não fará falta

O ideal é que você invista um valor que não fará tanta falta no curto prazo, caso você enfrente um período ruim. À medida que os rendimentos forem crescendo, você poderá arriscar passos maiores.

Exemplo com R$ 15.000

Por exemplo, você pode retirar um pequeno valor de seu banco e transferir para corretora, R$ 15.000,00 digamos, em seguida investir em 2 ou 3 papéis de ações, e a partir disto aprender com o mercado de ações e o seu comportamento.

Observe que você pode realizar isto por conta própria ou com a ajuda de um assessor de investimentos.

assessoria-de-investimentos-personalizada-gratuita

4. Acompanhe sites especializados e leia livros sobre o assunto

Como já citado anteriormente, investir no mercado de ações requer paciência e também dedicação. É preciso manter-se informado sobre as variações de mercado, além de conteúdos e dicas relevantes para aperfeiçoar cada vez mais as habilidades de investir.

Livros sobre investimentos

Consulte e leia os livros da nossa seleção. Você vai perceber que a conquista da prosperidade financeira diz respeito ao bom relacionamento com o dinheiro mas não somente isto.

Educação financeira

Você também pode contar com um assessor de investimentos, que acredita na educação financeira e na assessoria de qualidade como fatores essenciais para potencializar os resultados dos seus investimentos. Se você quiser pode ter uma consulta gratuita com um assessor de minha confiança.

5. Diversifique seus investimentos

Nós acreditamos e praticamos a máxima: “não coloque todos os ovos na mesma cesta.” Afinal, se você perder a cesta, todos os ovos se vão com ela. Sabemos que a diversificação é uma estratégia que funciona muito bem, apesar de não ser uma regra.

Como o investidor começa a diversificar?

Dependendo da capacidade financeira do investidor, uma diversificação de investimentos bem estruturada pode exigir bastante conhecimento e técnica de investimentos.

Casar renda fixa com renda variável

O investimento em ações é realmente interessante, desde que você garanta uma parte do seu capital em renda fixa como uma forma de evitar riscos maiores (olha a diversificação de investimentos aí).

Carteira de ações

Além disso, é indicado que você tenha uma carteira de pelo menos três ações diferentes (novamente, a diversificação de investimentos), reduzindo significativamente a chance de sair perdendo dinheiro. Mas, isso vai depender muito do montante que o investidor tem disponível para o mercado de ações.

Poucas ações para um montante pequeno

Se o montante é pequeno, (por exemplo R$ 15.000,00), escolha cuidadosamente uma ou no máximo duas ações com alto potencial de valorização.

Distribuição por tipos de investimentos

E, sempre que possível, distribua seus rendimentos em diferentes tipos de investimento, garantindo que, em caso de baixa em uma determinada aplicação, outro investimento possa cobri-la.

A sua prosperidade financeira, em parte, vai depender da diversificação de investimentos que você for capaz de compor, por conta própria ou com a ajuda de um assessor de investimentos.

6. Pense no acompanhamento profissional e na educação financeira

Apesar desse texto trazer dicas importantes para você investir e ainda assim você possuir diversas informações disponíveis na internet, pense na facilidade de ter o acompanhamento de um assessor de investimentos. Ele pode trazer melhores resultados com maior rapidez, então descubra um pouco mais sobre como um assessor de investimentos pode te ajudar.

Educação financeira

Nossa educação financeira é completa o suficiente para que você possa investir por conta própria, e isso no geral exige uma disposição de tempo e aprofundamento da sua parte. Caso esta seja sua escolha, aproveite a profundidade do nosso conteúdo aqui no Caminho para Riqueza,  artigos como Debêntures incentivadas, CRI, CRA e Títulos de crédito privado poderão ajudá-lo(a) bastante no aprofundamento da sua educação financeira para investir melhor.

Investindo por conta própria

Caso investir por conta própria não seja o seu caso e você também deseja investir bem o seu patrimônio financeiro, procure a assessoria de quem entende e possui experiência no mercado.

É importante, pois esse profissional pode te ajudar a definir uma estratégia de investimento alinhada ao seu perfil investidor e aos seus objetivos, além de auxiliar na identificação dos melhores caminhos a serem traçados.

Nosso eBook

Se você quer saber mais sobre como investir no mercado de ações, não deixe de baixar o nosso e-book Guia Prático: aprenda como começar a investir na Bolsa de Valores e, assim, as suas principais dúvidas.

Caminho para Riqueza

Por Caminho para Riqueza

Caminho para Riqueza é um blog de educação focado em investimentos financeiros.

Comentários